Riscos Psicossociais, Saúde e Bem-estar: análise de uma empresa de Cablagem em Portugal

Faria J, Veiga P, Ribeiro J.  Riscos Psicossociais, Saúde e Bem-estar: análise de uma empresa de Cablagem em Portugal. Revista Portuguesa de Saúde Ocupacional on line. 2020, volume 9, 1-22. DOI: 10.31252/RPSO.30.05.2020   PSYCHOSOCIAL RISKS, HEALTH AND WELL-BEING: ANALYSIS FROM AN WIRING COMPANY IN PORTUGAL   Autores: Faria J(1), Veiga P(2) Ribeiro J(3).   Tipo de estudo:…

Vibrações, Ruído e Hipoacusia: associação fisiopatológica ou não?

As vibrações e o ruido são dois fatores de risco laborais razoavelmente prevalentes e, em muitas situações, presente em conjunto. Caso seja real uma associação fisiopatológica entre ambos, será bastante relevante comprovar tal, de forma a reajustar, se necessário, os limites das vibrações e ruido considerados seguros.

Risco Biológico e/ou Químico eventualmente associado ao uso de adereços pelo Trabalhador (como anéis, alianças, relógios, pulseiras)

Existem algumas normas/ manuais de Boas Práticas, em alguns setores profissionais, que salientam a necessidade do trabalhador evitar ou não usar mesmo determinados adereços estéticos (como anéis, alianças, relógio, pulseiras e/ ou equivalentes), quer ponderando a potenciação do contato com agentes biológicos e/ ou químicos, quer de terceiros o fazerem, por seu intermédio.

COVID-19: o que foi publicado nas últimas semanas em Revistas Científicas

Alguns profissionais de saúde ficaram alertados por um número anormal de pneumonias que surgiram na cidade de Wuhan (Província de Hubei, China), durante o mês de dezembro de 2019. Acredita-se que o COVID-19 apresentou transmissão zoonótica a partir de um mercado local, através da venda de animais selvagens vivos e em precárias condições de higiene. Contudo, apesar de se especular qual o hospedeiro exato, não existem certezas.